Veiga desperdiça pênalti, e Palmeiras perde do Athletico-PR com um a mais pelo Brasileirão

O Palmeiras foi derrotado pelo Athletico-PR na tarde deste domingo, por 2 a 0, em duelo da sexta rodada do Campeonato Brasileiro, que aconteceu na Arena Barueri. Pablo e Gustavo Gómez (contra) marcaram os gols da partida.

O Furacão abriu o placar no fim do primeiro tempo e depois viu Gómez fazer contra antes dos 15 do segundo. O time paranaense ainda teve Esquivel expulso aos 22 da segunda etapa. Com este resultado, o Alviverde segue com oito pontos e fica na oitava posição, enquanto o Athletico-PR, com 13 retoma a liderança do Brasileirão.

As equipes voltam a campo pelo Brasileirão no próximo fim de semana. O Palmeiras tem compromisso no domingo contra o Criciúma, às 11 horas (de Brasília), no Estádio Heriberto Hulse. Já o Athletico duela com o Fortaleza, no sábado, às 18h30, na Arena Castelão.

Antes disso, porém, ambos os times têm compromisso. O Verdão duela com o Independiente del Valle, no Allianz Parque, pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores. A bola rola ás 21h30. Já o Furacão enfrenta o Danubio, no mesmo dia, às 19 horas, na Ligga Arena.

Primeiro tempo

O Palmeiras começou bem o jogo, teve algumas chegadas à área do Athletico-PR, mas não conseguiu levar perigo. Na primeira finalização do Furacão, aos nove minutos, Weverton apareceu bem para salvar o Verdão após chute perigoso de Zapelli de dentro da área. O Verdão respondeu no contra-ataque. Endrick foi lançado, mas escorregou e não conseguiu concluir a jogada. Aos 14 minutos, Estêvão recuperou a bola, avançou até a entrada da área e bateu firme. Bento fez a defesa. Pouco depois, Veiga tentou de fora da área, mas mandou para fora.

A equipe paranaense teve boa jogada pela esquerda. Cuello saiu em velocidade, passou por Gabriel Menino, cruzou na área e Pablo teve o chute travado por Luan. Aos 24, o Athletico-PR teve mais uma chegada pela esquerda com Cuello e Weverton apareceu de novo para fazer a defesa. Minutos depois, Endrick fez boa jogada, deixou Gamarra no chão, e depois de tabela com Estêvão foi desarmado na área.

Aos 39 minutos, Piquerez quase abriu o placar. O lateral ficou com a sobra da bola depois de finalização de Zé Rafael e soltou a pancada que passou por cima do gol de Bento. Em seguida, Léo Godoy cruzou na área e viu a bola passar por todo mundo e sair pela linha de fundo. A partida esquentou ainda mais nos acréscimos. Pouco depois de Weverton fazer mais uma defesa, Rony saiu na cara do gol, mas bateu em cima de Bento. Endrick foi para o rebote, acabou sendo derrubado pelo goleiro dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Raphael Veiga parou na defesa de Bento.  No último minuto dos acréscimos, Pablo cobrou falta rasteira, a bola desviou em Veiga e entrou no canto esquerdo de Weverton.

Segundo tempo

No início do segundo tempo, o Palmeiras teve falta próximo da área, mas, na cobrança, Piquerez acertou a barreira. Pouco depois o Verdão teve duas chances com Estêvão, uma dentro e outra fora da área, mas Bento levou a melhor em ambas. Aos oito minutos, Nikão chutou de fora da área, a bola desviou em Piquerez e foi para fora com perigo. A equipe paranaense ampliou o placar aos 13 minutos, Cuello cruzou na área, Gómez tentou o corte e marcou contra.

O Athletico-PR passou a jogar com um a menos a partir dos 22 minutos. Esquivel cometeu falta em Endrick, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Aos 25, Lázaro recebeu boa bola de Zé Rafael, bateu colocado e obrigou Bento a desviar para fora. Dois minutos depois, Richard Ríos cabeceou com perigo depois de cruzamento de Piquerez e acertou o travessão. O Furacão chegou a marcar o terceiro gol, com Canobbio, mas foi anulado por impedimento.

Aos 31 minutos, o árbitro chegou a expulsar Raphael Veiga por falta em Fernandinho, mas depois voltou atrás e deu apenas o cartão amarelo. Precisando diminuir o prejuízo, o Palmeiras incomodou a defesa paranaense. Flaco López teve chance pela direita, passou por Bento, mas parou na marcação do Athletico-PR. Aos 46, Weverton ainda salvou uma chance de Julimar. Gómez e Rômulo tentaram nos acréscimos e levaram perigo.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 0 X 2 ATHLETICO-PR

Local: Arena Barueri, em Barueri (SP)
Data: 12 de maio de 2024 (domingo)
Horário: às 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (Fifa-SC)
Assistentes: Luanderson Lima dos Santos (Fifa-BA) e Henrique Neu Ribeiro (SC)
VAR: Wagner Reway (Fifa-ES)
Cartão vermelho: Vitor Castanheira (auxiliar) (Palmeiras) e Raphael Veiga (Palmeiras); Esquivel (Athletico-PR)
Cartões amarelos: Mayke, João Martins (auxiliar técnico), Abel Ferreira (técnico), Endrick, Raphael Veiga (Palmeiras); Pablo, Esquivel, Léo Godoy, Fernandinho (Athletico-PR)
Público: 12.108 torcedores
Renda: R$ 480.818,00

GOLS:
ATHLETICO-PR: Pablo (aos 53 minutos do 1°T) e Gustavo Gómez (contra, aos 13 minutos do 2°T)

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Luan (Flaco López) e Piquerez; Zé Rafael (Rômulo), Gabriel Menino (Richard Ríos) e Raphael Veiga; Estêvão (Luis Guilherme), Endrick e Rony (Lázaro).
Técnico: Abel Ferreira

Athletico-PR: Bento; Godoy (Madson), Mateo Gamarra, Kaique Rocha e Esquivel; Erick, Fernandinho e Zapelli (Zé Vitor); Nikão (Canobbio), Pablo (Fernando) e Cuello (Julimar).
Técnico: Cuca

Leave a Comment

https://t84c3srgclc9.com/rjrpb48dz?key=c38958a4ffe9b8345315d4a4ae538dc3