Palmeiras tenta espantar fantasma de jogo de ida para largar em vantagem na decisão do Paulista

O Palmeiras tem compromisso marcado com o Santos neste domingo, às 18 horas (de Brasília), na Vila Belmiro, válido pela ida da final do Campeonato Paulista. Essa será a 13ª final da equipe sob comando do técnico Abel Ferreira, sendo a quarta decisão de Estadual do time com o português à beira do gramado.

Com oportunidade de conquistar o tricampeonato consecutivo, o Palmeiras tenta espantar o fantasma do jogo de ida em decisões do Paulistão. Nos últimos dois anos, quando faturou as duas taças, o Verdão começou a decisão perdendo a primeira partida e precisou reverter os placares na volta.

Abel chegou ao Verdão em outubro de 2020. Desde então, disputou quatro Campeonatos Paulistas: em 2021, 2022, 2023 e 2024. O treinador conseguiu levar sua equipe à decisão em todas oportunidades. Em sua estreia no Estadual, fez a final contra o São Paulo e acabou ficando com o vice-campeonato. No primeiro jogo empatou sem gols e depois perdeu por 2 a 0.

Enquanto isso, nos dois anos seguintes, o Palmeiras teve a chance de decidir o segundo jogo em casa. Em 2022, a equipe chegou à decisão invicta e perdeu o jogo de ida por 3 a 1 para o São Paulo. Contudo, na volta, fez 4 a 0, no Allianz Parque, e ficou com o título. O cenário se repetiu em 2023. Na primeira partida, o Verdão foi derrotado por 2 a 1 para o Água Santa e depois fez 4 a 0 no Allianz.

Visando conquistar sua 26ª taça de Paulistão, o Palmeiras chega para mais decisão sem ter perdido nenhum jogo na temporada. Até o momento, no Estadual, os comandados de Abel Ferreira têm 14 jogos, dez vitórias e quatro empates. Antes de chegar à final, passou pela Ponte Preta e Novorizontino.

O Palmeiras volta a enfrentar o Santos em uma final depois de três anos. A última vez que houve um Clássico da Saudade em uma final foi pela Libertadores de 2020, com o jogo decisivo disputado em janeiro de 2021, devido à pandemia de covid-19. Na ocasião, o Palmeiras venceu o rival por 1 a 0, com gol de Breno Lopes, no Maracanã.

Leave a Comment

https://t84c3srgclc9.com/rjrpb48dz?key=c38958a4ffe9b8345315d4a4ae538dc3