Jogando na capital, Santos impulsiona números de público e renda em quase 300%; veja levantamento

O presidente Marcelo Teixeira cumpriu a promessa e levou jogos do Santos para a capital paulista neste ano. O Peixe mandou partidas no Morumbis, estádio do São Paulo, e Neo Química Arena, casa do Corinthians, elevando o número de público e renda em relação aos compromissos disputados na Vila Belmiro.

Somado os dois jogos, o Santos levou cerca de 94 mil torcedores aos estádios, para uma renda bruta de R$ 5 milhões no total. Em média, os números representam um crescimento de público e renda de quase 300% se comparados com as partidas na Baixada Santista.

O Santos venceu o São Bernardo atuando no Morumbis, pela fase de grupos do Paulistão. Naquele dia, o estádio teve mais de 50 mil santistas presentes. O mesmo ocorreu em Itaquera, quando o Peixe bateu o Red Bull Bragantino, pela semifinal, com mais de 44 mil torcedores, batendo, inclusive, o recorde de público da Arena em 2024.

Na última quarta-feira, diante do Bragantino, a renda bruta obtida pelo clube alvinegro ultrapassou os R$ 3 milhões. O time não ficou com toda a quantia, já que precisou arcar com o aluguel do estádio, que rendeu cerca de R$ 850 mil ao Corinthians, e os custos operacionais. A despesa total foi de quase R$ 1,5 milhão.

Sendo assim, sobraram pouco mais de R$ 1,5 milhão de renda líquida, valor esta que precisa ser igualmente dividido entre os dois semifinalistas. O Santos, portanto, lucrou R$ 771.485,73 com o jogo.

Ainda que tenha sido relativamente menor que toda a renda, o montante fica muito à frente da média de arrecadação do Peixe na Vila Belmiro. Ao longo do Campeonato Paulista deste ano, o time tem uma receita bruta de R$ 680 mil a cada partida no seu estádio.

Diante deste cenário, o presidente Marcelo Teixeira tinha intenção de levar a final do Paulista à cidade de São Paulo. No entanto, o dirigente esbarrou nos recuos dos rivais Corinthians e São Paulo, que prezam pelo estado do gramado e não gostariam de “ceder” seus estádios neste momento.

Com a falta de opções, o Santos bateu o martelo e optou por mandar a decisão na Vila Belmiro. Os dois jogos da final estadual serão disputados nos próximos domingos (31 de março e 7 de abril).

Leave a Comment

https://t84c3srgclc9.com/rjrpb48dz?key=c38958a4ffe9b8345315d4a4ae538dc3