Abel revela objetivo do Palmeiras na Libertadores e avalia dificuldade do grupo: “Duro para todos”

O Palmeiras somou apenas um ponto na última quarta-feira em duelo de estreia na Libertadores, contra o San Lorenzo. A partida que aconteceu no Estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires, na Argentina, terminou com o placar de 1 a 1. O técnico Abel Ferreira revelou o objetivo do Verdão de avançar de fase e avaliou a dificuldade da chave.

“Vai ser palmo a palmo até o final. Podemos ver hoje o quanto essa equipe luta. Foi difícil para nós jogamos aqui, mas tem que ser assim, jogar até o fim, dar nosso melhor, tentar por pressão no San Lorenzo. É uma boa equipe, um treinador com trabalho bem consolidado. Um grupo com boas equipes e acredito que vai ser duro para todo mundo. Temos uma ambição, que é passar e temos que continuar com essa atitude e brigando por nossos objetivos”, declarou o treinador.

O Verdão entrou em campo com um time reserva e começou o jogo perdendo por 1 a 0, ainda no primeiro tempo, com gol de Romaña, de cabeça. Depois que conseguiu equilibrar, a equipe paulista deixou tudo igual. Piquerez cobrou falta direto e garantiu o primeiro ponto palmeirense.

Com o resultado, o Palmeiras ficou na liderança do Grupo F, que, além de San Lorenzo, também conta com Independiente del Valle (EQU) e Liverpool (URU). As equipes se enfrentam nesta quinta-feira. Já o Verdão volta a campo para a segunda rodada no dia 11 de abril, quando enfrenta o Liverpool, às 21 horas (de Brasília), no Allianz Parque.

Em cinco das últimas seis edições da Libertadores, o Palmeiras obteve a melhor pontuação entre os times na fase de grupos. Nesse período, o clube conquistou duas taças: em 2020, sobre o Santos, e 2021, diante do Flamengo, ambas com Abel Ferreira no comando. Na última temporada, contudo, caiu nas semifinais depois de perder para o Boca Juniors, nos pênaltis.

Leave a Comment

https://t84c3srgclc9.com/rjrpb48dz?key=c38958a4ffe9b8345315d4a4ae538dc3